quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Na praia

Hoje fui à praia da parte da tarde. Dia de bastante calor, com muita gente na praia.
Muita gente na praia é sinónimo de crianças, crianças na água que molha quem passa por eles. Foi precisamente o que me aconteceu. Ia a entrar na água e um menino que, nem 10 anos devia ter, andava a chapinhar na água, molhou-me. Eu olhei para ele com uma expressão de quem se preparava para dar um raspanete. Acontece que o menino olhou para mim, com os seus olhos de criança inocente e pediu-me desculpa. Fiquei estupefacta, isto porque já não estou habituada a crianças bem educadas. É tão raro ver crianças educadas, que até nos esquecemos que elas existem. E, ainda bem que existem. É sinal que ainda restam pais que educam os seu filhos e os ensinam a ser bem educados.
Fiquei feliz por tal ainda acontecer...fiquei feliz por saber que ainda há esperança para o futuro.
PARABÉNS aos pais deste menino e a outros tantos que educam os seus filhos.



Sem comentários:

Enviar um comentário