segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

Ainda na esquadra

Na hora que tive na esquadra, o agente que estava a tomar conta da ocorrência,enquanto escrevia a dificílima queixa (e quem é jurista ou advogado,sabe que é algo do outro mundo) atendeu o telefone duas vezes.

Dessas duas vezes foi de uma arrogância atroz, pois falou com a pessoas como se as mesmas estivessem a fazer perguntas ou a esclarecer dúvidas idiotas.Como se,quem estivesse a ligar para esquadra tivesse a obrigação de já ter nascido ensinado ou então não tivesse nem se quer o direito de ligar a questionar.

É assim que atendem o cidadão comum,é assim que tratam as pessoas e depois querem que as mesmas os respeitem.Como é que o podem fazer,se os senhores agentes são mal educados,arrogantes e sem qualquer formação.

Fiquei irritada e fiquei triste.E tanta gente por aí desempregada,com muito mais formação cívica...

Sem comentários:

Enviar um comentário