sábado, 24 de outubro de 2015

Ao que parece

É divertido estar na Assembleia de República. Isto segundo a deputada Domicília Costa, do BE. 

A AR, afinal é um lugar de diversão e não um lugar onde se discute o estado do país, o seu futuro, onde se discutem e aprovam leis. 

Estou muito mais aliviada por saber que a AR afinal é um circo e os deputados os palhaços...

quarta-feira, 21 de outubro de 2015

Todos se perguntam

Se o Cavaco para que lado Cavaco irá cair. Para a esquerda ou para a direito. Para mim o Cavaco já se estatelou de frente, com a fronha no chão.

O pior é que não se apercebeu da queda.

O Futuro é Hoje

sexta-feira, 16 de outubro de 2015

Parece que sou psicopata...

De acordo com  esta notícia. Segundo um estudo efectuado  as pessoas que gostam de sabores amargos têm traços de personalidade malévola e com forte tendência para o sadismo.

Um dos exemplos apresentados neste estudo é o café sem açúcar. Ora se há algo que eu  não consigo beber com açúcar, é café. Aliás, não coloco açúcar no café, no chá, na limonada, etc.

Parece que sou mesmo psicopata e não há volta a dar. Cuidado...


terça-feira, 13 de outubro de 2015

Tenho cá para mim

Que o António Costa quer é poleiro!

E já agora, se as pessoas quisessem o Antoninho como Primeiro-Ministro, tinham votado nele. Certo?

sexta-feira, 9 de outubro de 2015

Da polémica com o José Rodrigues dos Santos

Não consigo entender tanta polémica em torno de um erro cometido por um pivôt.

Estava a ver o telejornal e nem me apercebi. Primeiro porque, imediatamente ao eleito ou eleita, surge na imagem a deputada eleita pelo BE e só depois surge o deputado Alexandre Quintanilha. Depois, a maneira com foi dito, a expressão do próprio José Rodrigues dos Santos não transparece qualquer "gozo" ou homofobia da sua parte. Sinceramente, não me pareceu que estivesse a fazer alguma piada. Até porque não vejo um pivôt do gabarito do José Rodrigues dos Santos a manchar a sua imagem com uma piada de mau gosto.

Eu, pessoalmente não sabia que o Alexandre Quintanilha era homossexual e, acredito que o José Rodrigues dos Santos também não o soubesse. Tendo mesmo afirmado que não o sabia. Aliás, ninguém é obrigado a saber quem é ou não é homossexual.

Penso que estão a extravasar a situação. Já se chegou ao ponto de nem quererem saber do pedido de desculpa que foi feito no dia de ontem. Parece-me que alguém está querer tirar proveito desta situação. Não sei se é o  PS, se é a ILGA Portugal, ou outro qualquer.

De todo este episódio, o que podemos retirar é que o lobby gay tem imensa força. Não sou contra gays, inclusive tenho amigos gays. Agora, não se façam de vitimas quando não o são, não se façam de coitadinhos, porque não o são.


segunda-feira, 5 de outubro de 2015

Peripécias nas Legislativas

Chego à Secção de Voto e deparo-me com uma menina, na fila, a tirar fotos ao número da seccção de voto (só faltou a selfie).

Entro para votar e a senhora lê mal o meu nome. Mais uma vez (acontece sempre) leu Cristina e não Cristiana. Adoro!!!

A minha mãe, Ana Paula de seu nome, que vota na mesma secção que eu ao receber o Cartão do Cidadão é chamada de Maria do Carmo. A senhora da mesa enganou-se, e deu o cartão do cidadão da minha à tal Maria do Carmo que já tinha abalado. Instala-se a confusão, liga-se para a junta, consegue-se o contacto da tal senhora, que já ia na sua vidinha, longe das mesas de voto, que tem de voltar atrás. Resultado: Uma hora de espera, para que a troca dos cartões pudesse ser efectuada.

Um elemento da mesa justifica-se dizendo: Todos têm o direito de errar. Concordo, mas existem situações em que não podemos errar, muito menos quando envolve o documento de identificação...